Quinta-Feira, 22 de Agosto de 2013

Página Inicial>Mundo

Vazamento de petróleo em cargueiro liberiano ameaça recife Astrolabe

Ministro neozelandês diz que o acidente na baía turística da Nova Zelândia é a "pior catástrofe ecológica marítima" da história do país.

Publicada: 11/10/2011 - 10h39m|Fonte: Fabiano Silvestre|Versão para impressão|

  • Vazamento de petróleo em cargueiro liberiano ameaça recife Astrolabe
Nesta terça-feira (11) o navio cargueiro liberiano perdeu novamente uma "grande" quantidade de combustível e, por isso, autoridades da Nova Zelândia dizem que o vazamento de petróleo do cargueiro Rena pode ser considerado o maior desastre ambiental marítimo que o país sofreu.

O ministro neozelandês do Meio Ambiente, Nick Smith, declarou que o acidente na baía turística da Nova Zelândia, que ameaça vazar toneladas de petróleo, é a "pior catástrofe ecológica marítima" da história do país.

Segundo o ministro, a quantidade de combustível que foi derramada nas últimas 24h é cinco vezes superior a quantia que vazou no início do acidente.

"Os acontecimentos trágicos que estamos assistindo eram inevitáveis depois que o 'Rena' encalhou", disse o ministro. Entre 130 e 350 toneladas de óleo já vazaram do "Rena". O casco do navio ameaça romper e liberar 1.700 toneladas de combustível no arrecife Astrolabe, famoso pela rica fauna e flora, a 22 km da cidade de Tauranga (ilha do Norte).

Até a segunda-feira 20 das 1.700 toneladas de combustível da embarcação haviam vazado após o naufrágio no recife de Astrolabe, a 12 quilômetros da cidade portuária de Tauranga, na Ilha do Norte.

Smith enfatizou que "a situação vai piorar nos próximos dias", segundo declarações divulgadas pela cadeia "TVNZ".

Comentários dos leitores

Confira abaixo os comentários realizados pelos nossos leitores.

 
Siha nos no Twitter

Recomendações Facebook