Quinta-Feira, 10 de Outubro de 2013

Página Inicial>Brasil

Jornal Nacional dá a senha: o Golpe do Gilmar está em marcha

Em setembro de 2008, quando houve a violação, Dilma não era nem candidata.

Publicada: 02/09/2010 - 06h05m|Versão para impressão|

  • Tonico Ferreira foi o autor da inigualável, completa, irrefutável e exemplar reportagem do JN
  • Tonico Ferreira foi o autor da inigualável, completa, irrefutável e exemplar reportagem do JN
    Foto: Conversa Afiada
Publicado originalmente no site: Conversa Afiada

Amigo navegante, vamos relembrar:

Gilmar Dantas (*) prega um Golpe de Estado da Direita.

A dra. Cureau delibera com incontestável imparcialidade no Tribunal Superior Eleitoral.

A Dilma dispara nas pesquisas e o Conversa Afiada fica desconfiado: “Só o Globo e o Kamel levam ao 2º Turno”.

O jenio prega o Golpe de 64, “escondido, no Club da Aeronáutica”.

Gilmar faz um pronunciamiento que justificaria a AGU, o PT e a CUT entrarem na Justiça contra ele.

Marco Aurélio de Mello faz côro.

O Farol toma o bonde do Gilmar e do jenio numa entrevista inesquecível à Renata Lo Prete.

No Jornal da Globo, o jenio acusa a Dilma, com todas as letras de cometer um crime: violar o sigilo fiscal para uso na eleição.

O PSDB entra no TSE para fazer o impeachment de Dilma no tapetão.

E o Casal 45 do jornal nacional desta quarta-feira denuncia com o semblante de quem vai a um velório: violaram o imposto de renda da filha do Serra com o objetivo de prejudicar a candidatura do Serra.

A quem beneficia ?

Quem estaria interessado em setembro de 2008 em prejudicar a candidatura do Serra ?

Em setembro de 2008, quando houve a violação, Dilma não era nem candidata.

Por que o Lula ia entrar na Receita, violá-la ?

O Casal 45 achou alguém que diz supor que isso interessaria a alguém que quer prejudicar o Serra.

A quem interessa ?

O Casal 45 aposta no moto-continuo da própria realimentação entre o jenio e o PiG (**): você diz aí que eu repercuto aqui.

Eu digo aqui e você repercute aí.

Quais as provas de que foi a Dilma ?

A Dilma mandou investigar a associação da filha do Serra com a irmã de Dantas ?

Quer dizer, como diria o Lacerda: Dilma não será candidata; se for, não será eleita; se for eleita, não tomará posse; se tomar posse, não governará.

Só que, como diz o Brizola Neto, quem nasceu para José Serra não chega a Carlos Lacerda.

Em tempo: convenhamos, amigo navegante, que, em matéria de baixaria, o Serra já foi mais eficaz: pergunte à família Sarney.

A Operação Lunus desmanchou a candidatura da Roseana.

Só que a Dilma não é a Roseana.

E o Lula não é o Sarney.

Comentários dos leitores

Confira abaixo os comentários realizados pelos nossos leitores.

 
Siha nos no Twitter

Recomendações Facebook