Segunda-Feira, 27 de Outubro de 2014

Página Inicial>Mundo

EUA: Suspeito do atentado ao voo 253 coopera com as autoridades

De acordo com o diretor do FBI, Umar Farouk Abdulmutallab está fornecendo informações às autoridades.

Publicada: 03/02/2010 - 13h49m|Fonte: Expresso|Versão para impressão|

  • Umar Farouk Abdulmutallab tentou fazer explodir um avião da Northwest Airlines no dia de Natal
  • Umar Farouk Abdulmutallab tentou fazer explodir um avião da Northwest Airlines no dia de Natal
O nigeriano acusado de ter tentado fazer explodir um avião comercial entre Amesterdão e Detroit, em 25 de dezembro, forneceu aos investigadores informações válidas e continua a ser interrogado, declarou terça feira o diretor da polícia federal (FBI), Robert Mueller.

Questionado pela comissão de serviços secretos do Senado para saber se Umar Farouk Abdulmutallab forneceu informações relevantes, Mueller respondeu: "Sim".

Depois perguntaram-lhe se o jovem nigeriano continua a ser interrogado e Mueller respondeu igualmente: "Sim".

Os republicanos criticaram a administração do presidente norte-americano Barack Obama após informações segundo as quais Abdulmutallab teria decidido permanecer em silêncio, depois de ter sido informado dos seus direitos, desperdiçando assim uma fonte preciosa de informação.

Umar Farouk Abdulmutallab, 23 anos, foi acusado por um tribunal de Detroit, Michigan, "de tentativa de homicídio" e "tentativa de utilização de uma arma de destruição em massa", depois de ter tentado fazer explodir o avião do voo 253 da Northwest Airlines no dia de Natal, utilizando explosivos que estavam escondidos debaixo de sua roupa.

Comentários dos leitores

Confira abaixo os comentários realizados pelos nossos leitores.

 
Siha nos no Twitter

Recomendações Facebook