Sábado, 17 de Agosto de 2013

Página Inicial>Mundo

Carta Maior, exclusivo: Manifesto da Igreja Progressista ao Vaticano

Manifesto defende que "a Cúria Romana necessita de uma reforma mais radical baseada nas instruções e na visão do Vaticano II."

Publicada: 05/03/2013 - 12h17m|Fonte: Carta Maior|Versão para impressão|

  • Carta Maior, exclusivo: Manifesto da Igreja Progressista ao Vaticano
"O abuso de preencher os postos de guias da Igreja apenas com candidatos com uma determinada mentalidade é algo que deveria ser eliminado. Em vez disto, deveriam ser formuladas e monitoradas novas normas assegurando que as eleições para estas tarefas sejam conduzidas de modo correto, transparente e o mais democrático possível.

A Cúria Romana necessita de uma reforma mais radical baseada nas instruções e na visão do Vaticano II. O exercício da autoridade na nossa Igreja deveria seguir o padrão de abertura, responsabilidade e democracia encontrados na sociedade moderna. Muitos ensinamentos do Concílio Vaticano II não foram concretizados ou apenas parcialmente traduzidos na prática.

Concilio Vaticano recomendou a colegialidade e a corresponsabilidade em todos os níveis. Isto não foi transformado em ação. Os vários organismos presbiterais e conselhos pastorais previstos pelo Concilio, deveriam envolver os fiéis de modo mais direto nas decisões relativas à doutrina ao exercício do ministério pastoral e à evangelização no âmbito da sociedade secular.

O papel do Papado necessita de uma clara redefinição baseada nas intenções de Cristo. Os bispos são vigários de Cristo e não vigários do Papa. Eles possuem a responsabilidade direta sobre o povo de suas dioceses"


(Carta Maior; 3ª feira, 05/03/2013)

Comentários dos leitores

Confira abaixo os comentários realizados pelos nossos leitores.

 
Siha nos no Twitter

Recomendações Facebook